5 dicas de estratégias para começar seu e-commerce


Empreender é desafiador. São várias preocupações para começar seu negócio, mas, com a estratégia bem pensada antes de colocar a mão na massa, é possível alcançar muito sucesso! Se você está pensando em como começar um e-commerce, trazemos neste post algumas dicas para seu planejamento ao criar sua loja virtual.

Ter seu e-commerce é uma ótima oportunidade para empreender. Apenas no primeiro semestre de 2019, 5,3 milhões de brasileiros compraram online pela primeira vez, conforme a pesquisa Webshoppers, da eBit/Nielsen. O mercado está crescendo a todo vapor, então esse é um ótimo momento para vender pela internet!

Entretanto, apesar da praticidade de ter seu e-commerce, é preciso atentar a alguns pontos da sua estratégia inicial para que sua loja prospere. Então, vamos às dicas!

  1. Atenção ao que vai vender

O primeiro passo para criar seu e-commerce é escolher que produtos você vai comercializar. Entretanto, é preciso fazer um estudo para selecionar produtos. Lembre-se de que existem milhares de lojas virtuais, então você precisa se diferenciar para que conquiste seu público.

Uma boa forma para fazer isso é se especializar para atender a um nicho específico. Por exemplo, em vez de vender artigos esportivos, você pode optar por camisetas e meias de corrida com estampas divertidas.

Esse é apenas um exemplo de como você pode se especializar. Quanto mais você encontrar um nicho, menor a chance de concorrer diretamente com grandes lojas que, muitas vezes, conseguem oferecer preços mais competitivos.

  1. Defina bem seu público

Depois de definir que produtos você vai vender, precisa pensar no público a quem eles vão se destinar. Quando você estiver escolhendo os artigos, provavelmente já vai ter uma ideia. Entretanto, essa definição precisa ser um pouco mais específica.

A ideia é criar um perfil do seu cliente ideal. Você deve criar uma espécie de personagem e definir idade, sexo, profissão, gostos, hobbies e sonhos. A esse perfil damos o nome de persona. Caso veja necessidade, você pode criar mais de um desses clientes ideais.

  1. Conheça bem sua operação antes de dar um passo maior

Uma das grandes vantagens de se vender pela internet é a possibilidade de diminuir as barreiras geográficas que uma loja física teria. No entanto, antes de pensar em vender para o Brasil todo, é recomendado que você comece com uma operação menor para conhecer bem a logística do seu negócio.

Você pode começar entregando apenas para sua região ou para sua cidade. Assim, você terá uma noção de preços e prazos de entrega do seu produto. Isso é importante porque um dos pontos sensíveis para o consumidor de e-commerce é o frete. Então, ter calma no início vai te ajudar a planejar os próximos passos com mais precisão — e sem que seus clientes fiquem frustrados com uma possível demora na entrega.

  1. Escolha seus canais de atendimento com cuidado

Outra questão para ficar atento é na hora de escolher seus canais de atendimento. É claro que é bom ser visto, então estar em mais lugares pode ser vantajoso neste aspecto. Entretanto, é preciso considerar que, no início, talvez você precise priorizar algumas opções.

Sabemos que o empreendedor, muitas vezes, acaba sendo responsável por tudo — ou quase tudo — na sua empresa. Então, é melhor prezar pela qualidade nos canais de atendimento do que focar na quantidade.

Afinal, não adianta nada estar em todas as redes sociais existentes, ter chat, telefone e e-mail, mas não dar conta de responder às dúvidas dos seus clientes. Portanto, escolha os meios mais adequados ao contato com seu público. Investigue em quais redes sociais suas personas são mais ativas para criar perfis nelas.

Além disso, para evitar a ansiedade por parte do público, informe sempre quais são seus horários de atendimento e o prazo médio de resposta. Assim, as pessoas saberão o que esperar da sua parte e você não enlouquece respondendo mensagens madrugada adentro!

  1. Pense sempre no cliente

Por mais que você precise viabilizar suas vendas e se baseie em várias teorias, lembre-se sempre de considerar seu cliente em primeiro lugar. Afinal, se ele não quiser comprar na sua loja virtual, ela não vai a lugar nenhum.

Portanto, faça testes, peça para pessoas com o perfil do seu público testarem seu site e darem sua opinião. Vale pedir também para amigos e familiares dizerem o que acharam. Assim, você consegue ter uma visão externa do que as outras pessoas estão achando da sua loja virtual.

Se você pensa em como começar um e-commerce, agora já sabe alguns pontos da estratégia aos quais deve prestar atenção! E aí, está pronto para planejar seu negócio? Conte para a gente nos comentários quais os maiores desafios que você encontra para empreender!

Informações da autora

Victoria Salemi é a editora responsável pelas parcerias de conteúdo da Nuvemshop, a maior plataforma de e-commerce da América Latina em lojas ativas. Formada em Jornalismo, ama escrever e tornar assuntos complicados acessíveis a todos!


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima